sábado, 12 de maio de 2012

O silêncio dos bons

Martin Luther King


Tenho utilizado muito do meu tempo para algumas atividades de caráter pessoal e familiar.

Trabalho, tratamento de saúde de membro de família e nova fase de carreira profissional.

Queria que respeitassem esse momento conturbado de tempo e não utilizassem indevidamente meu nome em chafurdo e jogatinas políticas.

Apesar de muitos insistirem em me emparedarem, peço por obséquio, busquem a verdade dos fatos e não utilizem subterfúgios para justificar matérias pagas, difamatórias ou injuriosas.

Espero a compreensão dos bons e os que não o fizeram, vamos tocar para frente.

A vida é um círculo de encontros e desencontros. Quem sabe, não nos encontremos lá na frente.

Nenhum comentário: