sábado, 3 de maio de 2014

[ NEM OS LEÕES ESCAPAM ] Polícia pede ajuda ao Paraná para achar leão furtado em Monte Azul Paulista (SP)

A Polícia Civil de Monte Azul Paulista (400 km de São Paulo) pediu ajuda à polícia do Paraná para investigar o furto de um legão de nove anos de idade na madrugada desta quinta-feira (1o) em uma ONG de proteção e recuperação de animais.

De acordo com policiais ouvidos pela Folha de São Paulo, uma das linhas de investigação aponta para o ex-dono do animal, que mora no Paraná.

Rawell, nome que o leão ganhou quando chegou à ONG, há cinco anos, pesa 300 quilos. A polícia acredita que ele tenha sido dopado por dardos e arrastado até uma jaula em uma camionete usada na ação, executada por três homens e uma mulher.

Leão Rawell, que foi furtado de ONG em Monte Azul Paulista na madrugada de quinta-feira (1o.)

Além do depoimento de um ex-funcionário do Criadouro Conservacionista São Francisco de Assis, que afirma ter visto o ex-dono de Rawell rondando o local, imagens de câmeras de um terreno nos fundos do local já foram cedidas à polícia.

Segundo o coordenador da ONG, o médico Oswaldo Garcia Júnior, na filmagem é possível ver parte da ação.

A Polícia Ambiental de Bebedouro (381 km de São Paulo), cidade vizinha a Monte Azul, fez buscas nesta sexta-feira (2) em estradas rurais e rodovias da região em busca de pistas do leão.

A Folha de São Paulo não conseguiu ouvir o delegado Carlos Arnaldo Nicodemos Andrade.

Fonte: Folha de São Paulo

Nenhum comentário: