domingo, 20 de julho de 2014

Bombeiros resgatam vítimas de desabamento em Aracaju, mas bebê morre

Morreu o bebê de 11 meses que foi resgatado dos escombros do prédio que desabou em Aracaju. A criança havia sido retirada no início da tarde deste domingo (20) junto com o pai, a mãe e a irmã de 8 anos. Eles ficaram 34 horas sob os escombros.
Segundo os bombeiros, o bebê foi retirado ainda com vida, mas morreu a caminho do hospital.
O edifício de quatro andares, ainda em construção, desabou na madrugada deste sábado (19), quando uma forte chuva atingia a cidade.
Uma criança de seis anos e um adulto foram os primeiros a serem retirados dos escombros, seguidos do bebê de 10 meses e de outro adulto. O bebê recebeu os primeiros socorros ainda no local, depois de ser resgatado.
As vítimas são um trabalhador da obra, a mulher dele e os dois filhos.
Segundo o assessor adjunto de comunicação do Corpo de Bombeiros, capitão Carlos Alves, o contato visual foi feito ontem por volta das 19h30 e, na manhã de hoje, a equipe de bombeiros conseguiu acesso por um buraco, para oxigenação e hidratação das vítimas, que ficaram mais de 30 horas soterradas.
O imóvel que desabou fica na rua Poeta José Sales Campos, no bairro Coroa do Meio, na zona sul de Aracaju, perto da orla da Atalaia, um dos principais cartões-postais da capital sergipana.
Segundo o Corpo de Bombeiros, a causa do desabamento será investigada, e o laudo deverá ficar pronto em até 30 dias. (Com Agência Brasil e Agência Estado).
Do Uol 

Um comentário:

marcelo disse...

Valeu amigo sempre antenado.